QUERO SER AMADA
Arneyde T. Marcheschi x
Edna Liany Carreon




Quero ser amada
Preciso de alguém para amar, 
louca, profunda e intensamente!... 
Um amor que me tenha por inteira.
Quero um amor avassalador,
Que me mantenha viva e
que me faça sair de mim, 
Que me faça leve, para que eu possa
fugir para bem distante, 
deixá-lo sem rumo e desorientado,
perdido, sem saber de mim...
Quero que sinta minha falta...
Quero que ele me ame 
em pensamento e em
cada mulher que vir, 
e sem minha presença,
que enlouqueça de paixão,
que sinta doer seu coração
que ensandeça de desejo e 
que sem mim...
desvaire com a minha ausência! 
Difícil dizer o que vai em minha alma, mas...
Quero que ele não se sinta homem, 
sinta-se sem futuro,
nem forte, nem seguro, 
sem ter o meu amor...
enquanto ele não vier a mim. 
Quero que ele sinta o que é viver sem meu amor!
Quero que esse amor louco, 
sem limites,
destemido quando me encontrar, 
saiba que só eu a ele pode amar e
me ame na areia fina da praia... 
E entre beijos e abraços.
Que faça seu corpo deslizar sobre o meu, 
sentido um amor profundo e avassalador
que grite alucinado, urre e gema, 
dizendo que quer meu amor
como um lobo faminto... 
E assim nós dois entrelaçados, num amor desesperado! 
E será assim
para entender que não é,
nunca será ninguém sem mim.
Quando ele me encontrar, 
quero que sinta que não sou a menina que eu era... 
quero que me receba como homem, 
com o coração de um menino que sabe o que quer,
Que ele seja
determinado em me tomar nos seus braços,
e de menina me fazer mulher! 
Depois disso, nós dois vamos entender... 
Que um sem o outro não tem jeito de viver...




ARNEYDE T. MARCHESCHI
VITÓRIA - ES
05/10/2002 - 04h32 

EDNA LIANY CARREON
01/05/2003